Projeto Pescar comemora 30 mil vidas transformadas em Relatório de Atividades

Voluntários
13 de julho de 2018
Regras de Compliance no Estatuto e novo Código de Ética
16 de agosto de 2018
Exibir tudo

A Fundação Projeto Pescar lança o Relatório de Atividades 2017 e destaca na capa as 30 mil vidas transformadas pelo programa de formação socioprofissionalizante. Atingir essa marca é motivo de comemoração para todos os participantes da rede. O Projeto Pescar une empresas voltadas para o desenvolvimento sustentável de suas comunidades e adolescentes de baixa renda decididos a terem um futuro melhor. E quando se unem, empresas e jovens atingem seus objetivos: desenvolvimento pessoal, cidadania, iniciação profissional de jovens e descoberta de novos talentos e potenciais para o mercado de trabalho e para a sociedade.

No Brasil, são cerca de 100 parceiros, em 10 estados, desenvolvendo 2 mil jovens/ano, em 16 cursos socioprofissionalizantes gratuitos. Os programas são executados pela entidade de assistência social e contam com o apoio da rede de atendimento à infância e à juventude, unindo empresas, instituições e pessoas em uma ação colaborativa para a transformação de jovens. Os resultados alcançados no país ultrapassam fronteiras. Hoje, o Projeto Pescar é replicado e administrado localmente, na Argentina, no Paraguai, no Peru e em Angola.

História de transformação
São atitudes que transformam vidas, como diz o slogan. Segundo Fábio Neri Vieira, Egresso da 12ª turma da Unidade ZF do Brasil, com o Projeto Pescar ele passou a ter perspectiva de crescimento: “Sou filho de uma empregada doméstica, venho de uma família humilde, que infelizmente não teria condições financeiras para arcar com cursos profissionalizantes e toda a infraestrutura que o Pescar oferece. No decorrer do curso, minha vida fez um giro de 180°, pois consegui enxergar, entender e compreender que para nós conseguirmos alcançar nossos objetivos, não basta apenas querer, mas sim ter maturidade, força de vontade e disciplina para encarar as dificuldades que encontramos em nosso caminho.’’

Hoje, Vieira é formado em Logística, possui MBA em Comércio Exterior e trabalha no almoxarifado da ZF do Brasil: “A experiência no programa me mostrou o quanto somos iguais e capazes. Além disso, as atividades que fazíamos, em diversas áreas, permitiam-nos ter uma visão ampla de como funcionam os processos de uma organização, de cada etapa e com isso me fizeram acreditar, que independente da sua origem, se você persistir e apostar em si, consegue alcançar suas metas.”